I Congresso Internacional de Ciberjornalismo

Live Coverage

Helder Bastos – “Ciberjornalistas em Portugal”

Posted by obciber em 11/12/2008

Helder Bastos estudou o ecossistema ciberjornalístico português, entre Janeiro e Março de 2008, interrogando 67 jornalistas dos 95 que desempenham “oficialmente” esta função em Portugal.

A maioria tem entre 35 e 45 anos e não existe grande precaridade no ciberjornalismo português, sendo que grande parte tem estabilidade profissional, com contrato, e a maioria recebe um salário entre 1000 e 1500€.

A maior parte tem uma experiência de 6-10 anos em ciberjornalismo e cerca de 3/4 tem curso de Comunicação ou Jornalismo, embora mais de metade não tenha formação específica em jornalismo online.

A tarefa dominante é a redacção de notícias, embora as restantes ocupações (pesquisa online, adaptação de conteúdos e textos de agência) também sejam frequentes. A interacção com a audiência é muito baixa, sendo que a maioria dos ciberjornalistas ocupam menos de uma hora ou nenhum tempo a contactar com o público. Também as saídas em reportagem acontecem raramente, embora isso não seja um problema exclusivamente português.

O professor da Universidade do Porto constatou que a edição de vídeo e de som são muito pouco utilizadas no ciberjornalismo português, sendo largamente ultrapassadas pelo tratamento de fotografia e processamento de texto. E mesmo na edição de vídeo, é mais comum a utilização de pacotes já preparados de agências do que a recolha de material no terreno.

Mais de metade dos jornalistas não fazem produção simultânea para online e para o meio tradicional e quase a totalidade dos ciberjornalistas acreditam que o jornalismo online é muito pouco valorizado.

Paradoxalmente, os ciberjornalistas acreditam que se tira muito partido do meio online, mas os académicos dizem o contrário.

Para os ciberjornalistas portugueses, o papel essencial do jornalismo online é credibilizar a informação e a sua maior dificuldade é o multitasking, sendo importante mencionar que outro dos problemas é acompanhar as inovações, algo essencial no ciberjornalismo, diz o docente da UP. Helder Bastos ficou intrigado quando verificou que apenas metade dos ciberjornalistas achem que o jornalismo online traz novos dilemas.

Muitos dos ciberjornalistas portugueses acreditam que há maior proximidade entre entretenimento e notícias no meio online e consideram que isto pode afectar a qualidade das notícias, tal como o imediatismo.

Anúncios

3 Respostas to “Helder Bastos – “Ciberjornalistas em Portugal””

  1. […] O professor da Universidade do Porto apresentou, na quinta-feira, os resultados da sua tese de doutoramento, na conferência  “Ciberjornalistas em Portugal”. […]

  2. […] recentes VÍDEO: Helder Basto… no Helder Bastos – “Ciberjo…António Fagundes no Manuel Molinos (JN) – “A […]

  3. […] Ciberjornalistas em Portugal (tags: journalism internet onlinejournalism icpd0910 research) var addthis_pub = ''; var addthis_language = 'en';var addthis_options = 'email, favorites, digg, delicious, myspace, google, facebook, reddit, live, more'; Autor | AuthorPedro Jerónimo | Jornalista, curioso da comunicação e apaixonado pelo fotojornalismo. Licenciado em Comunicação Social e Educação Multimédia e doutorando em Informação e Comunicação em Plataformas Digitais. Também gosta de fotografia, musica, futebol, praia e manga. | Journalist, communication curious and photojournalism lover. Degree in Media and Multimedia Education and Ph.D. in Information and Communication in Digital Platforms. Special interests: photography, music, football, beach and mango. Back to Top Tags: Cancel ReplyWrite a Comment […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: